A nova diretoria do Sindicato dos Oficiais de Justiça Avaliadores de Mato Grosso (Sindojus/MT), será empossada nesta quinta-feira (07.12), às 21 horas, no Palácio do Grande Oriente do Brasil Mato Grosso, na avenida Historiador Rubens de Mendonça, 5560, em Cuiabá.

A nova diretoria foi eleita no último dia 27 e tem como propostas, para o próximo quadriênio 2017/2021, *Equiparação salarial de nível superior *Implantação do porte de arma para os oficiais de Justiça (PL 30); *Implantação do risco de vida *Majoração da verba indenizatória *Pagamento de diligências nos Juizados Especiais *Redução do ICMS para aquisição de veículos novos *Redução do IPVA *Redução no licenciamento *Isenção de estacionamento para cumprimento de mandado, em locais com concessão da Prefeitura *Aquisição de imóvel para sede própria *Aquisição de área social e de lazer.

Segundo o presidente eleito do Sindojus/MT, Jaime Osmar Rodrigues, nestes oito anos de fundação do Sindicato, houverem muitas conquistas, apesar de das dificuldades e percalços até a entidade receber a Carta Sindical, mas de acordo com ele, a luta valeu a pena.

“Foram muitas vitórias para nossa categoria. Se fizermos uma retrospectiva, vamos ver quantas conquistas em pouco tempo. Somos uma entidade relativamente nova, porém, de muita garra e determinação. Nossas lutas ganham reforço com a Carta Sindical da Fesojus, da qual quatro membros do Sindojus/MT fazem parte. É mais uma entidade brigando pelos oficiais de justiça de todo Brasil”, expressou o presidente eleito.


Fonte: Assessoria Sindojus/MT
Foto: Arquivo Sindojus/MT