A diretora do Foro da Comarca de Cuiabá, Edleuza Zorgetti Monteiro da Silva, considerando a planilha encaminhada pelo Sindicato dos Oficiais de Justiça/Avaliadores do Estado de Mato Grosso (SINDOJUS/MT) constante no CIA nº 0033050-44.2017.8.11.0000, resolve alterar o valor das diligências atribuídas por quilômetros rodados, referente aos valores da condução dos Oficiais de Justiça pertencentes ao Foro da Comarca de Cuiabá para cumprimento de mandados judiciais e prática de atos processuais de qualquer natureza.

A Portaria entra em vigor na data de sua publicação, devendo ser afixada no local costumeiro e publicada pela imprensa, bem como encaminhada cópia à Egrégia Corregedoria-Geral da Justiça para exame e homologação nos termos da CNGCJ (artigo 647), ao Conselho da Magistratura, a todos os Magistrados desta Comarca, aos Gestores Judiciários das Secretarias das Varas e Juizados deste Foro, à OAB/MT, à Prefeitura Municipal, à Associação dos Oficiais de Justiça de Cuiabá (AOJUC), ao SINDOJUS/MT e à Gestora da Central de Mandados para conhecimento e providências cabíveis. Confira ofício.

PORTARIA Nº 012/2017- DF


A Excelentíssima Senhora Juíza de Direito Diretora do Foro da Comarca de Cuiabá, EDLEUZA ZORGETTI MONTEIRO DA SILVA, no uso de suas atribuições legais com fundamento no artigo 52, inciso XV da Lei nº 4.964 de 26 de dezembro de 1985 (COJE), bem como nas orientações e determinações da Egrégia Corregedoria-Geral da Justiça do Estado de Mato Grosso constantes na Consolidação das Normas Gerais da Corregedoria Geral de Justiça do Foro Judicial;

CONSIDERANDO a planilha encaminhada pelo Sindicato dos Oficiais de Justiça/Avaliadores do Estado de Mato Grosso (SINDOJUS/MT) constante no CIA nº 0033050-44.2017.8.11.0000:

                                              RESOLVE:

Art. 1º ALTERAR o valor das diligências atribuídas por quilômetros rodados constantes na Tabela anexa a presente Portaria (Anexo 1) referente aos valores da condução dos Oficiais de Justiça pertencentes ao Foro da Comarca de Cuiabá do Estado de Mato Grosso para cumprimento de mandados judiciais e prática de atos processuais de qualquer natureza;

 Art. 2º DETERMINAR que esta Portaria entre em vigor na data de sua publicação, devendo ser afixada no local costumeiro e publicada pela imprensa, bem como encaminhada cópia à Egrégia Corregedoria-Geral da Justiça para exame e homologação nos termos da CNGCJ (artigo 647), ao Conselho da Magistratura, a todos os Magistrados desta Comarca, aos Gestores Judiciários das Secretarias das Varas e Juizados deste Foro, à OAB/MT, à Prefeitura Municipal, à Associação dos Oficiais de Justiça de Cuiabá (AOJUC), ao SINDOJUS/MT e à Gestora da Central de Mandados para conhecimento e providências cabíveis.

Publique-se. Intimem-se. Cumpra-se.

Cuiabá, 10 de maio de 2017.

(assinado digitalmente)
Edleuza Zorgetti Monteiro da Silva
Juíza de Direito Diretora do Foro da Comarca de Cuiabá/MT



Fonte: Assessoria Sindojus/MT
Foto: Sindojus/MT