O Sindicato dos Oficiais de Justiça e Avaliadores de Mato Grosso (Sindojus/MT) realizou nesta segunda-feira (24.04), Assembleia Ordinária Geral, onde explanou aos oficiais de Justiça presentes as ações da entidade em favor da categoria.

Na oportunidade, a diretoria do Sindojus entregou uma placa ao José Wilson, oficial que está se aposentando, destacando o trabalho realizado por ele ao Poder Judiciário. Emocionado, o oficial e Justiça contou como conseguiu chegar ao final desta jornada de trabalho. Veja vídeo.

Por unanimidade, foi aprovada na Assembleia a prestação de contas referente ao exercício de 2016.

O diretor financeiro do Sindicato, Jaime Osmar Rodrigues, explicou que foi encaminhado ofício ao presidente do Poder Judiciário, desembargador Rui Ramos, para que ele expeça nova determinação para os juízes diretores das Comarcas que ainda não realizaram o rateio, que façam imediatamente o rateio de todo o saldo encontrado na conta específica aberta para depósito das diligências dos Oficiais de Justiça.

Jaime explicou ainda, que esteve com o presidente do Sindojus/MT, Eder Gomes, conversando com o desembargador Rui Ramos sobre o depósito feito em conta especifica, porém, sem identificação e que precisa ser feito o rateio. Rui Ramos pediu que fizesse outra solicitação e que iria resolver. O ofício já foi protocolado na semana passada e estão aguardando resposta.

“Quem é o responsável pelo rateio não é o TJ, mas os diretores dos Fóruns”, ressaltou Jaime.

Eder Gomes explicou que o Sindojus tem dois diretores que representam a entidade em nível nacional, o vice-presidente Luiz Arthur de Souza e Jaime Osmar Rodrigues.

Luiz Arthur relatou que existem no Congresso Nacional, 14 pedidos de porte de arma aos oficiais de Justiça, e que o primeiro foi feito em 1957.

Os diretores explicaram a importância do seguro de vida que é oferecido gratuitamente aos oficiais de Justiça e que familiares de oficiais falecidos ficaram surpresos com o atendimento, pois muitos nem tinham conhecimento. Eles também ressaltaram que a ideia é fazer investimentos para o Sindojus/MT, como uma sede própria e um veículo.

Ao final da Assembleia, Eder Gomes agradeceu a todos os oficiais de Justiça presentes e destacou a presença dos colegas de Várzea Grande e Chapada dos Guimarães.







Fonte: Edina Araújo/Sindojus/MT
Fotos: Sindojus/MT