A diretora do Fórum de Cuiabá, juíza Edleuza Zorgetti Monteiro da Silva, alterou o zoneamento da capital para o cumprimento de mandados pelos oficiais de justiça, dividindo a extensão territorial da comarca em 11 áreas. A nova classificação passa a valer a partir de 1º de abril, conforme a Portaria nº 012/2016 – DF (leia AQUI)

Antes, a área era dividida em apenas quatro zonas. A partir do próximo mês serão sete em Cuiabá, três em Várzea Grande e uma zona presídio, todas com rodízio trimestral.

De acordo com a magistrada, o objetivo é readequar a divisão das áreas, uma vez que o último zoneamento já estava ultrapassado na medida em que novos bairros surgiram nos últimos anos, além de otimizar o trabalho 
dos oficiais de justiça. 

A determinação atende ao pedido feito pelo Sindicato dos Oficiais de Justiça de Mato Grosso (Sindojus) para reformulação do zoneamento utilizado pela Central de Mandados do Fórum de Cuiabá. O projeto de mapeamento foi apresentado pelos próprios oficias de justiça, que montaram uma comissão para relacionar os bairros e fazer a divisão.

O sorteio dos oficiais de justiça em 11 equipes será realizado no dia 17 de março (quinta-feira), às 10h, no auditório do Fórum. A convocação consta no Edital nº 001/2016 – DF (veja AQUI).

Reajuste – Em abril também serão reajustados em 9,06% os valores da condução dos oficiais de justiça pertencentes ao Foro da comarca de Cuiabá, para cumprimento de mandados judiciais e prática de atos processuais de qualquer natureza, oriundos de ações penais privadas. Confira mais informações na Portaria nº 011/2016 - DF.

Ana Luíza Anache 
Assessoria de Comunicação CGJ-MT