O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, Orlando Perri, assinou convênio com o Grupo Unyleya e a AVM Faculdade Integrada para a realização de uma pós-graduação em Poder Judiciário para servidores do Judiciário Mato-grossense.

A aula inaugural será realizada no dia 2 de fevereiro, na Escola dos Servidores, em Cuiabá, a partir das 9h. Por motivos administrativos, somente os alunos de Cuiabá e Várzea Grande vão poder participar, já que não serão liberadas diárias para os servidores do interior. Os demais alunos terão acesso à aula no ambiente virtual de aprendizagem da Escola dos Servidores, após a entrega da documentação necessária e inserção da senha individual.

Toda realizada na modalidade de Ensino à Distância (EAD), a pós-graduação em Judiciário foi idealizada pela Coordenadoria da Escola dos Servidores e solicitada à empresa vencedora do processo licitatório. Para atender às expectativas do Judiciário, a faculdade precisou desenvolver aulas específicas para os servidores, como a de rotina de secretaria de vara.

A Unyleya é hoje a maior provedora de cursos EAD do país, oferecendo cerca de 350 opções de capacitação a 80 mil alunos. Na plataforma digital que será disponibilizada, os alunos terão acesso a vídeo-aulas chats, fóruns, atividades e exercícios e material complementar.

Inscrições - Ao todo, 400 servidores que atuam na Primeira Instância do judiciário tiveram suas inscrições selecionadas para a capacitação. A lista com os nomes já está sendo divulgada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE), no portal do TJMT e na Intranet. Para finalizar a inscrição, é preciso entregar os documentos autenticados na Escola dos Servidores pessoalmente ou por malote digital, a partir do dia 3 de fevereiro.

O presidente do TJMT destaca que é preciso investir na qualificação dos servidores para ser mais eficiente e atender melhor o cidadão. “Nos dois últimos anos, o TJMT investiu na graduação dos nossos servidores. Logo no início da gestão, começamos com um curso de pós-graduação para 200 servidores e, agora, vamos dar início a um curso de administração judiciária para mais 400 servidores”, conta Perri.

Ele afirma ainda que o Tribunal reconhece a necessidade de investir na qualificação dos servidores. “Realizamos ainda outros 200 tipos de cursos, buscando atingir a todos. E, por fim, conseguimos a aprovação de um auxilio graduação, que vai propiciar aos servidores, especialmente aos técnicos e auxiliares, a oportunidade de se graduarem em uma universidade”, afirma o presidente.

Mais informações podem ser obtidas na Escola dos Servidores, nos telefones (65) 3617-73227/3617-73207/3617-73335.

Para ver a lista com o nome dos candidatos que tiveram suas inscrições deferidas, clique aqui e aqui.

Fonte: TJ/MT
Foto: VG Notícias